Sobre

A Sociedade Portuguesa de Senologia (SPS), criada em 1989, integra todos os envolvidos na patologia mamária, motivando-se não pela especialidade, mas pela multidisciplinaridade.

Com o objetivo de fazer progredir na fisiologia, prevenção, diagnóstico, tratamento e reabilitação da patologia da mama, a SPS desenvolve conhecimentos referentes à glândula mamária, em Medicina e Biologia.

Neste contexto, tem como finalidade a aposta na investigação básica e clínica, o incentivo a trabalhos e publicações, a organização de reuniões, jornadas e congressos, bem como a promoção do ensino e a coordenação das diversas disciplinas interessadas, nomeadamente com a atualização regular do Consenso Nacional de Cancro da Mama.

Simultaneamente, pretende assegurar a sua participação em sociedades nacionais e internacionais que tenham objetivos idênticos, estabelecer programas de acreditação e de certificação de Unidades de Saúde e de profissionais que atuem na área da Senologia, além de organizar e ministrar cursos de pós-graduação na área da Senologia.

Cada vez mais multidisciplinar e global, a SPS tem o desafio premente de garantir a todos o acesso a cuidados de qualidade e de acordo com o melhor estado da arte.



Membros Fundadores

A Sociedade Portuguesa de Senologia foi criada em 1989, reunindo médicos de diferentes especialidades e regiões do país.